sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

40 Dicas pra mudar sua vida

1 – Caminhe de 10 a 30 min. todos os dias. Enquanto caminha, sorria.
2 – Fique em silêncio pelo menos 10 min. cada dia. Se necessário a sós.
3 – Escute boa música todos os dias, é um autêntico alimento para o espirito.
4 – Ao levantares pela manhã diga o seguinte: Meu propósito hoje é…
5 – Viva com os 3 E’s…Energia, entusiasmo e empatia.
6 – Divirta-se mais do que no ano passado.
7 – Leia mais livros que no ano passado.
8 – Olhe para o céu pelo menos uma vez ao dia, leve em conta a majestade do mundo em torno de você.
9 – Sonhe mais enquanto estás acordado.
10 – Coma mais alimentos naturais como, frutas e verduras e menos alimentos industrializados e os que requer sacrifício.
11 – Coma castanhas e nozes. Tome muita água e um cálice pelo menos de suco de uva todos os dias.
12 – Experimente tratar bem pelo menos três pessoas por dia.
13 – Elimine a desordem da tua casa, do carro, do escritório e deixe que uma nova energia flua em sua vida.
14 – Não gaste teu precioso tempo em fofocas, coisas do passado, pensamentos negativos e coisas fora do teu controle. É melhor investir tua energia em coisas positivas.
15 – Note que a vida é uma escola e você está aqui para aprender. Os problemas são lições que vêm e vão. O que você aprende é melhor investir nas necessidades presentes.
16 – No desjejum coma como um rei, no almoço como um príncipe e no jantar como mendigo.
17 – Sorria mais.
18 – Não deixes passar a oportunidade de abraçar quem aprecias.
19 – A vida é muito curta para desperdiçar tempo odiando alguém.
20 – Não se cobre tanto. Não faz bem.
21 – Você não tem que vencer todas as discussões. Demonstre que não está de acordo e aprenda com os outros.
22 – Esteja em paz com teu passado, assim não arruinarás teu presente.
23 – Não compares tua vida com a dos outros. Não tens idéia do caminho que eles andaram.
24 – Ninguém é responsável pela tua felicidade, exceto você mesmo.
25 – Lembre-se que você não tem controle sobre o que acontece com você, mas sim o que fará da sua vida.
26 – Aprenda algo novo cada dia.
27 – O que os outros pensam de você não importa.
28 – Aprecie teu corpo e desfrute-o.
29 – Não importa quão boa ou ruim é a situação, mude-a se necessário.
30 – Seu trabalho não vai se preocupar se estás doente. Seus amigos sim. Fique em contato com eles.
31 – Descartar qualquer coisa que não seja útil, bonito e divertido.
32 – Inveja é um desperdício de tempo. Você já tem tudo que necessita.
33 – O melhor está para acontecer.
34 – Não importa como te sentes, levante-se, vista-se e participe.
35 – Viva com plenitude do seu ser.
36 – Comunique-se com teus familiares com mais frequência, mandando-lhes mensagens como: Estou pensando em você!
37 – Cada noite antes de dormir diga o seguinte:
Dou graças por ___________________.
Hoje eu consegui _____________________.
38 – Lembre-se de que você é muito abençoado para estar estressado.
39 – Aproveite a viagem. Só tens uma oportunidade de tirar o melhor proveito.
40 – A vida é bela. Aproveite-a enquanto pode

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Quanto tempo?

Em um segundo, você pode ser feliz pra sempre! Em um segundo, você pode amar eternamente. Em um segundo, você pode ser quem você quiser, pra sempre. E de segundo em segundo sua vida pode se tornar maravilhosa! Faça de cada segundo da sua vida um 'para sempre' mais feliz. Faça de cada segundo o seu sonho real de toda vida. Viva para sempre, nem que seja só por um segundo.

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Você nasceu para ser feliz!

Você se ama? Algumas pessoas têm vergonha de amar a si mesmas. Umas por medo de parecerem narcisistas, outras por acharem que não são dignas de serem valorizadas e amadas por alguém muito importante. Sim, porque você é a pessoa mais importante da sua vida! Olhe-se por alguns instantes no espelho. Olhe fundo dentro dos seus próprios olhos; eles são as janelas dá sua alma! O que você vê? Veja a pessoa mais linda do mundo! A mais ouerida, a mais inteligente, a mais amada, a mais feliz. Ame essa pessoa que você vê! Ela é a pessoa mais importante da sua vida! E você, a pessoa mais importante para e ela. E se tem alguma coisa nela que te incomoda, mude! Só você pode mudar o que não te agrada em você mesmo. Ainda dá tempo, tente! Ei, você nasceu para ser feliz, aceite isso!

domingo, 27 de outubro de 2013

Ela e o tempo

Ela tem estado longe daqui. Tem vivido em meio às nuances de nostalgia colorida do passado, que contrastam os tons cinzentos da vida adulta. Tarefas a cumprir, uma empresa pra gerenciar, uma casa pra cuidar, uma família pra amar, amigos pra proteger, missões de sua alma a cada dia pra alcançar. O tempo no mundo adulto parece correr muito mais depressa do que em seu antigo relógio da Minnie. Mas ela sabe que não pode (e nem compensaria) correr contra ele ou voltar atrás. Então, ela faz dele seu amigo. Aquele amigo íntimo, com quem você briga e faz as pazes, sabe? Em pé de guerra consigo mesma, ela vive. Ela corre. Ela briga. Ela odeia. Ela ama. Ela tem estado longe, mas sempre aqui.

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Dias a mais

Dias que passam tão rápido, que muitas vezes nem notamos. Não notamos o carinho das pessoas ao nosso redor, não notamos a grandiosidade do amor que nossa família sente por nós. O ar que respiramos... Você gosta de respirar? Nunca se perguntou isso né? Porque a gente nem percebe! Somos tão livres, que esquecemos de agradecer a Deus e ao Universo por essa liberdade. Estamos sempre ocupados demais (com coisas importantes ou não) para perceber o quanto de bom há em nossas vidas. E é aí que ficamos esperando pelo dia seguinte, por um dia melhor. O melhor dia é hoje! Viva dias melhores a cada segundo, a cada passo do seu caminho, para garantir que sempre terá dias a mais na sua vida. Ria, dance, cante, chore, grite, AGRADEÇA, acredite; você merece.

domingo, 14 de julho de 2013

Gratidão Diária

Grata por mais um domingo com minha família, assistindo jogo com meu avô! (:
Boa semana a todos!

sábado, 13 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #21

#‎dia21‬ Último dia da corrente. Sabe, quando minha amiga me apresentou isso aqui, eu confesso que fiquei um pouco receosa.. pensei 'poxa, ficar postando coisas pra pessoas que nem conheço..' Aí, passei uns dias lendo os depoimentos de gratidão de quem já estava fazendo. Aos poucos foi me dando uma vontade contida de também fazer. No primeiro dia foi estranho, não sabia o que agradecer! Mas ao longo dos dias, parecia que um agradecimento puxava outro e assim eu comecei a notar a importância das pequenas coisas, que muitas vezes passam despercebidas no nosso dia a dia!! Hoje, sou muito grata por ter aprendido tudo isso! Por ter aprendido também, a prestar mais atenção no que faço, pois ontem notei que pulei do dia 15 pro dia 17! hahahahaha Muitas pequenas coisas eu aprendi a agradecer! E por isso, vou continuar agradecendo e postando aqui! (: E fica a dica pra vocês, agradeçam sempre! Mesmo pelas coisas aparentemente ruins!

quarta-feira, 10 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #20

‪#‎dia20‬ Grata (e feliz) por ter retomado a paixão pelos desenhos e ter criado coragem de colocar novamente meus lápis para colorir o papel. *-* Tem mais alguns hobbies que pretendo retomar!

terça-feira, 9 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #19

#‎dia19‬ Grata por ter passado um dia feliz, cheio de alegrias e com muita saúde.

segunda-feira, 8 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #18

‎#dia18 Hoje meu avô veio aqui em casa pra podar as plantas do jardim e eu estava observando ele e agradecendo a Deus por ter lhe dado tanta força, saúde e sabedoria, 81 anos e uma alegria e coragem que muita gente não tem! Muito grata por poder compartilhar bons momentos com ele e minha avó! (:

domingo, 7 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #17

#dia17 Grata por mais um domingo com a família. Família é um caso sério né, sempre tem uma briguinha pra querer estragar o dia! Mas o amor fala mais alto e no fim do dia, tudo em paz de novo! Obrigada, Senhor, pela minha família, imperfeita, mas linda; que eu saiba sempre amá-la apesar de seus defeitos.

21 dias de Gratidão #15

#dia15 Hoje tenho realmente muito que agradecer! Esquecemos o carro aberto, com a chave no contato, passou a tarde toda e nada aconteceu. Estava estacionado atrás de uma igreja! obrigada, obrigada, obrigada!

21 dias de Gratidão #14

‎#dia14 Grata por encerrar, com sucesso, mais um semestre da empresa e por ter recuperado tres alunos que queriam desistir.

quinta-feira, 4 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #13

‎#dia13 Grata pelo sucesso da reunião pré-férias de hoje!

quarta-feira, 3 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #12

#dia12 Grata por encerrar mais um semestre e conseguir fechar o relatório e inventário da empresa em dia! (:

terça-feira, 2 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #11

#dia11 Grata por mais um dia de trabalho, corrido, cansativo, mas gratificante!

segunda-feira, 1 de julho de 2013

21 dias de Gratidão #10

#dia10 Completando dez dias de gratidão, muita coisa boa aconteceu até aqui, mas o meu modo de ver as coisas, é o que mais notei que mudou. Mesmo as mais simples e também as coisas aparentemente negativas, tem me trazido o sentimento de gratidão. Muito grata, hoje, por a minha grande amiga Juliane ter me apresentado esta alegria! (:

domingo, 30 de junho de 2013

21 dias de Gratidão #9

#dia9 Grata por mais um domingo feliz ao lado da minha família.

21 dias de Gratidão #8

#dia8 Grata por um dia maravilhoso ao lado da minha mãe, e por ter ido jantar com a minha amiga Juliane, que há um tempinho não saíamos juntas! (:

21 dias de Gratidão #7

#dia7 Grata pelo aniversario de 81 anos do meu avo e por ter acordado antes de o sol raiar pra ir tomar chimarrao com ele. Grata tambem por ter entregado hoje a presidencia do Rotaract para o proximo presidente, encerrando a minha gestao com sensacao de dever cumprido. Obrigada, Senhor!

21 dias de Gratidão #6

#dia6 Grata pela melhoria no emprego do meu pai. Notícia que salvou o dia! (:

quarta-feira, 26 de junho de 2013

21 dias de Gratidão #5

#dia5 Grata pelo sucesso da reunião de pais que fizemos hoje; muito produtiva e bastante elogiada pelos pais dos nossos alunos. (: Obrigada, Pai!

terça-feira, 25 de junho de 2013

21 dias de Gratidão #4

#dia4 Grata por recuperar o ânimo ao longo do dia, apesar de não ter acordado muito bem.

segunda-feira, 24 de junho de 2013

21 dias de Gratidão #3

#dia3 Grata por não ter atropelado um motoqueiro que atravessou a frente do carro agora à noite! Foi por pouco. Obrigada por protegê-lo, Deus!

domingo, 23 de junho de 2013

21 dias de Gratidão #2

#dia2 Agradeço por ter conseguido segurar a língua quando, com raiva, poderia ter magoado alguém.

sábado, 22 de junho de 2013

21 dias de Gratidão #1

#dia1 Grata por ter a chance de começar mais um dia, quando muitos não a tem.

segunda-feira, 10 de junho de 2013

25 primaveras

Poucos anos, muita coisa pra contar. Dizem que os vinte e cinco são uma fase de transição. Será?
1. Não me lembro, mas dizem que era um bebê fofinho, das bochechas rosadas, que chorava muito, muito mesmo!
2. Já sabia falar (e como falava! e cantava! Gostava de cantar a música do "Sididia" - Sididiiia a gente biiiiiiigaaa...).
3. Apresentou sua capacidade autodidata; sozinha, aprendeu a ler as manchetes do jornal.
4. Devorava livros infantis, vivia caindo por isso tinha sempre os joelhos vermelhos de mertiolate (e não perdeu a mania de cair até hoje, apenas aderiu ao mertiolate incolor).
5. Fez os primeiros grandes amigos, na escola. Já não tem nenhum deles ao seu lado e de alguns nem tem notícia, devido às mudanças extraordinárias da vida adulta.
6. Fazia as roupas das bonecas e insistia em repicar os cabelos da barbie.
7. Aprendeu a dançar "É o Tchan".
8. Andava de roller e adorava as colônias de férias do Indaiá.
9. Despertou sua primeira paixão platônica (que hoje não faz ideia de onde foi parar, e se o ver por aí, nem vai ser capaz de reconhecer).
10. Fez festa de aniversário vestindo roupa dos Bananas de Pijama (????) e pediu sua última boneca de presente de aniversário.
11. Já se considerava uma mocinha. Afinal, estava na quinta série, já saía pro recreio com os grandes.
12. Ouvia Hansons, Five, N'Sync, Backstreetboys e Britney Spears.
13. Chorou porque morreu Cássia Eller no dia seguinte ao que ela comprou o CD Acústico MTV.
14. Descobriu o Rock, o Rap e o Skate.
15. Conheceu o primeiro grande amor da sua vida e deixou de lado o skate.
16. Começou a namorar o grande amor. Entre idas e vindas, passaram alguns anos juntos, acompanhando as mudanças um do outro. Hoje não estão juntos, mas ambos sabem que foram especiais demais, que serão pra sempre o primeiro grande amor.
17. Ano de vestibular. Fez amigas pra vida toda! (A Lili até já casou e ela e a Maíra até foram ao casório!!). Foi pra Londrina com a Lili e a Mariana e mais deu risada do que estudou. Teve Síndrome do Pânico, mas passou e passou também no vestibular tão esperado. Foi pra faculdade, morar em pensionato, aprender a se virar. Conheceu os primeiros grandes amigos da vida adulta.
18. Uhul! Maioridade, Festa e etc e tal! Só que NÃO! Aos dezoito decidiu trabalhar (o dia todo e estudar à noite). Ganhava pouco, mas já podia ajudar nas despesas. E festava sim, claro!
19. Talvez o ano mais importante até agora, foi quando encontrou suas metades da alma. Ana, Alessa, Mariana, Amanda, Du. Pessoas que tinham tudo a ver com ela, que a completavam e a conheciam perfeitamente, como se fossem parte do coração dela. As únicas pessoas que realmente entendiam seu sorriso, suas lágrimas ou apenas o seu olhar e que até hoje são quem ela procura nos momentos de desespero ou de alegria extrema. Uma amizade regada a muita música tocada no violão do Du (que hoje está pra ser famoso!), muita coca-cola e chocolate na pracinha, caipirinhas na beira do rio, na casa do porto.
20. Foi morar sozinha. Alugou o próprio apartamento, pois já tinha subido de cargo na empresa e agora ganhava bem. Ganhou uma gata do amigo Jadiel, chamava-se Maria. Sua casa era sempre o ponto de encontro dos amigos. Sentia-se bem em poder acolher todo mundo lá pra jantar, pra papear, pra tocar violão, pra fazer um esquenta antes da festa ou mesmo pra curar suas ressacas ao fim da festa. Foi ao show do Vitor e Matheus com a Nana (mesmo sem gostar). Tatuou, pro dia das mães, "grazie madre per la mia vita" e fez sua mãe chorar.
21. Hora de acabar a faculdade. As madrugadas passaram a ter apenas uma hora (no máximo) de sono, pois eram o único horário em que ela podia fazer o tal do TCC (Tensão Constante na Cabeça). A certa altura decidiu que não precisava dormir, ora essa, quem disse que se precisa dormir? Passou três noites em claro, trocando o sono por latinhas de energético e um banho frio antes de pegar o ônibus pro trabalho. No quarto dia, dormiu na empresa enquanto trabalhava e decidiu voltar a dormir. Enfim terminou o tão esperado TCC, apresentou com êxito, com um desfile lindo de meninas cadeirantes (que se tornaram amigas queridas), e deu um tapa de luva de pelica na cara de quem duvidou que essa ideia daria certo. Tirou boa nota. Formou. Colou grau. Fez festa. Fez tudo o que tinha direito, pois ela merecia.
22. Comprou um carro. O grande sonho estava realizado. Agora podia passear com as amigas no fim de semana, ao som de The Kooks. Teve um grande amor, impossível, pra variar. Conheceu mais amigos importantes, entrou pro Rotaract, aprendeu a fazer pão de queijo com a Lele.
23. Cansada, decidiu voltar pra cidade natal. Largou tudo, mudou o rumo, foi fazer algo que nunca havia imaginado. Tornou-se empresária.
24. Conheceu os mais recentes grandes amigos, graças ao tal do Rotaract. Passou a ir no sertanejo por causa da Ju (que não gostava dela quando a conheceu, mas depois tornou-se melhor amiga). Conheceu muita muita gente nova. Passou um tempo sem ir pra balada porque se sentia velha. Até que a Joyce a convenceu de que deveriam ir ao pub da cidade! E foram e conheceram mais gente legal! E foram de novo e de novo! E foram na balada sertaneja, onde ela até ficou descalça e perdeu um pé do sapato.
25. Começa agora. E que venha cheio de mudanças de novo, que seja sim um ano de transição. Que toda mudança seja bem vinda, que todos os amores, todos os amigos (e não amigos) continuem vindo com tudo, que no meu coração cabe até o que não cabe na estante.

"Ela vai mudar, vai gostar de coisas que ele nunca imaginou."

domingo, 3 de março de 2013

Saudades de um tempo bom

Houve um tempo em que o riso era mais sincero. Um tempo em que os abraços eram mais calorosos e as conversas, de cabeça no colo, confidenciavam  segredos mais profundos, de sentimentos mais intensos, de palavras mais sinceras. Houve um tempo em que se ria por tudo, se chorava por nada, e a qualquer decisão as mãos estavam sempre entrelaçadas. Amizade, familiaridade, amor, paixão, raiva, brigas e pedidos de desculpas. Houve um tempo em que, tudo o que a gente mais queria era viver juntos, no lustre de um castelo, ao som da banda preferida (de preferência na versão das nossas vozes desafinadas que tentavam incansavelmente acompanhar o violão do melhor amigo, do príncipe da casa). Houve um tempo em que eu não imaginava estar longe de vocês.





sábado, 26 de janeiro de 2013

Não se conteve e gritou

Ela segurou ao máximo dentro do peito. Prendeu junto com a respiração, trancou junto com olhos apertados. Apertou nas palmas das mãos esmagadas pela força dos dedos, esmagou com a língua presa aos dentes. Mas não se conteve. Quando o ar faltou, ela gritou.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Lugar-comum

Ver você exibindo ela pra sociedade, passar na frente da sua casa e te ver abraçadinho com ela, me dá uma sensação terrível de derrota. Sim, derrota. Porque você poderia ter me trocado por uma garota foda, linda, inteligente, poderosa. Mas não. Você preferiu aquela mulherzinha clichê; um corpinho bonito, de cabeça vazia, chatinha como todas as ex-namoradas que você costumava xingar. Preferiu manter o status de namorado-pau-mandado de sempre. E eu, que só queria mudar sua vida, não ganho mais nem um bom dia seu. E eu acho incrível como eu posso, num estalar de dedos, ter o homem que eu quiser ao meu lado, mas posso estalar mil vezes os dedos, que não vou te ter de volta. O que eu faria, se o tempo voltasse atrás? Não, não seria como ela. Ainda que seja a sua vontade viver com uma garota clichê, eu faria tudo de novo pra te mostrar uma vida melhor, ainda que você não notasse, mas que o seu coração com certeza sentisse.

"Você manchou nós dois e desbotou a cor de um só coração."

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Duas forças que se atraem

Eu tento incessantemente esquecer o quanto você me faz bem. O quanto você é o cara que mais me faz bem em todo o mundo! Que você se apaixonou por mim em menos de trinta segundos e nunca soube explicar por quê nem como. Tento esquecer que até o toque do seu celular é parte da minha música preferida e que você o escolheu sem saber disso. Você diz que parece que estava escrito há tempos, em outra vida. E eu tento não lamentar o fato de termos nos encontrado tão tarde nesta. Mas quando eu menos espero, quando quase já esqueci, o destino te poe de novo no meu caminho! E é tudo tão perfeito, é tudo tão... nós. O seu olhar, o seu sorriso lindo de sempre, o seu abraço que se encaixa perfeitamente no meu corpo, o seu beijo tão sincero... É como se eu tivesse estado sempre ali. Como se as nossas vidas se pertencessem.  É como você diz, pode passar vinte anos, olhar pra você vai ser sempre um momento inexplicavelmente lindo. Daí eu já não consigo mais esquecer, porque você também não esquece. Nos vemos por um momento e pensamos um no outro por eras, até o destino nos pregar mais uma peça. Eu te carrego aqui no peito pra sempre, com uma esperança de que um dia tudo vai se ajeitar, que um dia deixará de ser tarde pra nós, que um dia nossos caminhos deixem de se cruzar, pra se unir numa estrada só.

"E ninguém dirá que é tarde demais, que é tão diferente assim."

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Esforços X Sorrisos

Sabe, eu quase desisti. Quase mesmo! Quando eu vi que tudo não ia sair como o planejado, que mais da metade das pessoas envolvidas não pareciam se importar, quando trocaram nosso combinado por outros compromissos (importantes ou não), quando vi que o dinheiro no caixa não ia dar. Achei que o esforço ia ser em vão. Mas não foi. Em vão foi a minha preocupação com todos aqueles que deixaram de estar aqui, com todos aqueles que, com certeza estão hoje vendo as fotos e se arrependendo de ter se esforçado pra não comparecer. Agora pra aqueles que vieram, ah... O sorriso de cada um vai ficar gravado aqui comigo pra sempre! Valeu todas as noites mal dormidas, todos os suspiros profundos ao fazer orçamentos, todas as dores no coração ao pagar as parcelas da chácara. Valeu. Cada esforço, por cada sorriso que eu pude receber nesse III Acamparact do Distrito 4470. E eu tive a prova de que, com cem, cinquenta, vinte ou até cinco de nós, a diversão e o companheirismo estarão garantidos. Espero vê-los em breve, em mais um evento, ou num dia qualquer!

III Acamparact Distrital / Dourados-MS

domingo, 11 de novembro de 2012

Dona do seus ideais

Ela sempre teve sonhos. Não realizou todos, é claro. Muitos, porque depois de um tempo ela notou que não seriam tão válidos para sua felicidade. Em sua caminhada na realização desses sonhos, teve altos e baixos. Talvez mais baixos do que altos. Mas nesses baixos, ela pegava impulso para ir ainda mais alto! Era o que dava força para que ela passasse além da altura dos sonhos abandonados, para alcançar ideais maiores, melhores. Ela não se tornou exatamente aquilo que imaginava. Como ela mesma diz, de tanto tentar ser o que não era, foi aquilo que não quis. Às vezes pensa que se tornou tudo aquilo que muitas vezes criticou, se tornou aquela que sempre rejeitou. Mas porque, num desses saltos mais altos, notou que era muito melhor ser assim. Se arrepende, é claro, de ter julgado comportamentos que, hoje, entende que são corretos. De ter tido sonhos tão baixos, que não a faziam enxergar outros pontos de vista. E hoje ela é a mulher de sonhos altos, de saltos maiores, sempre dona dos seus próprios ideais, com direito a fazer deles realidade ou não. Tornou-se a mulher com sonhos de menina, a menina com responsabilidades de mulher.